'Cartas Secretas Jamais Enviadas de Emily Trunko

     Seguindo uma pegada similar ao Últimas Mensagens Recebidas, este livro agrupa as cartas de diversas pessoas com mensagens que nunca foram enviadas de fato ao seus destinatários. A ideia também veio da jovem adolescente Emily Trunko em seu tumblr Dear My Blank, onde as pessoas enviam essas cartas para que sejam postadas por lá.

     Ao contrário de seu primeiro livro, aqui, a autora já se mostra uma organizadora mais madura, isso porque a obra passou a ser dividida em temas segundo o conteúdo da mensagem: Amor, amizade, perda, traição, amor não correspondido, coração partido, família, querido eu e querido mundo.

    As mensagens são diversas, e falam muito sobre essa pessoas e os sentimentos que sentem nos momentos em que se passam os acontecimentos das cartas. Há mensagens destinadas ao próprio corpo, a um relacionamento que findou, de uma jovem para a irmã gêmea que nunca conheceu, ao pai ausente, entre outras. Apesar de aparentar ser um livro triste, essa obra consegue oscilar mais entre momentos mais melancólicos e outros de melhor bem-estar. Porque embora trate de despedidas, como na maioria das mensagens do livro anterior da organizadora, aqui, ela conseguiu inserir textos que são verdadeiras pérolas para a autoestima e que nos dão, também, uma maior fé na humanidade.
     Cartas Secretas Jamais Enviadas é um livro bonito, cheio de sentimentos que nos propusemos ao ler aos poucos, sem querer terminar, ou terminar sabendo que podemos voltar e encontrar um pouco de conforto nas palavras dessas pessoas e assim tornar nossas atitudes melhores do que já são. Tornando o mundo com mais empatia e amor ao próximo, sabendo que eles são pessoas como nós, e independente do seu grau de relacionamento conosco, conseguem sentir o mesmo que sentimos.

    Se você gosta de livros de cartas e uma leitura para refletir, rir, chorar e pensar, esta é uma obra muito bem recomendada.
     A edição brasileira é a mais linda que você vai encontrar no mercado. Edição em capa dura, cheia de ilustrações de Lisa Congdon, colagens vintages e muita brincadeira com tipografias diferentes em páginas coloridas que dão uma outra vida a obra.

Ficha técnica

 Título: Cartas Secretas Jamais Enviadas
 Título originalDear My Blank (2017)
 Organizadora: Emily Trunko
 Tradução: Fabricio Waltrick
 Editora: Seguinte
 Edição: 1
 Ano: 2018
 ISBN: 9788555340642
 Gênero: Correspondência / Cartas
 Páginas: 200

Avaliação: 

Resenha de número #392

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário!

Tecnologia do Blogger.