[LISTA] - 28 livros para quem ama (re)contos de fadas

11:43
Animais falantes, dragões, fadas, sereias, gigantes, trolls, unicórnios, bruxas, elfos, gnomos, goblins, grifos e anões são alguns dos seres folclóricos que encontramos em contos de fadas clássicos e que encantou e continua a encantar gerações, pessoas que adoram histórias fantásticas com aventura, amor, batalhas entre o bem e o mal, finais emocionantes e claro provavelmente felizes para sempre. 

Pensando nisso, reunimos aqui 20 histórias contemporâneas inspiradas em contos de fadas e que poderão agradar aos fãs do gênero, classificadas por história original.

contos de fadas, conto de fada moderno


Confira a lista a seguir com livros para quem gosta de contos de fadas. Bom proveito!



A Bela e A Fera 


Fera

Fera, de Brie Spangler

Dylan não é como a maior parte dos garotos de quinze anos. Ele é corpulento, tem quase dois metros de altura e tantos pelos no corpo que acabou ganhando o apelido de Fera na escola. Quando ele conhece Jamie, em uma sessão de terapia em grupo para adolescentes, se apaixona quase instantaneamente. Ela é linda, engraçada, inteligente e, ao contrário de todas as pessoas de sua idade, parece não se importar nem um pouco com a aparência dele. O que Dylan não sabe de início, porém, é que Jamie também não é como a maioria das garotas de quinze anos - ela é transgênera, ou seja, se identifica com o gênero feminino, mas foi designada com o sexo masculino ao nascer. Agora Dylan vai ter que decidir entre esconder seus sentimentos por medo do que os outros podem pensar ou enfrentar seus preconceitos e seguir seu coração.





A Bela Adormecida


A Bela e a AdormecidaA Bela e a Adormecida, de Neil Gaiman & Chris Riddell

Em uma sombria e fascinante história, as mais queridas princesas dos contos de fadas são reinventadas de maneira brilhante pelo inglês Neil Gaiman e o ilustrador Chis Riddell. Em A Bela e a Adormecida, uma jovem rainha é informada, na véspera de seu casamento, sobre uma estranha praga que assola as fronteiras do seu reino, um sono mágico que se espalha pelo território vizinho e ameaça os seus domínios. Na companhia de três anões, a rainha abandona o fino vestido da festa, pega sua espada e armadura e parte pelos túneis dos anões para o reino adormecido. Uma viagem repleta de ação e suspense que leva a uma surpreendente descoberta. Misturando o conhecido e o novo com perfeita sintonia, Gaiman cria mais uma obra repleta de magia e aventura capaz de hipnotizar o mais exigente dos leitores.


Sangue-do-CoraçãoSangue-do-Coração, de Juliet Marillier

Uma floresta assombrada. Um castelo amaldiçoado. Uma jovem que foge do seu passado e um homem que é mais do que parece ser. Uma história de amor, traição e redenção... Whistling Tor é um lugar de segredos, uma colina arborizada e misteriosa que alberga a fortaleza detiorada de um chefe tribal cujo nome se pronuncia no distrito em tons de repulsa e de amargura. Há uma maldição que paira sobre uma família de Anluan e o seu povo; os bosques escondem uma força perigosa que pronuncia desgraças a cada sussurro. E, no entanto, a fortaleza abandonada é um porto seguro para Caitrin, a jovem escriba inquieta que foge dos seus próprios fantasmas. Apesar do temperamento de Anluan e dos misteriosos segredos guardados nos corredores escuros, este lugar há muito temido providencia o refúgio de que ela tanto precisa. À medida que o tempo passa, Caitrin aprende que há mais por detrás do jovem desfeito e dos estranhos membros do seu lar do que ela pensava. Poderá ser apenas através do amor e da determinação dela que a maldição será desfeita e Anluan e a sua gente libertados...



Um Conto às Avessas de a Bela e a FeraUm Conto às Avessas de a Bela e a Fera, de Liz Braswell

Bela é inteligente, engenhosa, inquieta e mais uma porção de coisas. Ela anseia escapar de seu modesto e provinciano vilarejo. Quer explorar o mundo, apesar de seu pai relutar em deixar sua casinha para o caso de a mãe de Bela retornar – mãe da qual ela mal se lembra. Um dia, os desejos da garota por novas aventuras acabam por se realizar – mas não da maneira que ela imaginava. Agora ela é cativa de uma terrível fera, dentro de um castelo enfeitiçado. Quando Bela toca a rosa encantada da Fera, intrigantes imagens inundam a mente da jovem – imagens da mãe que ela acreditava que nunca mais veria. Ainda mais estranho que isso, ela descobre que sua mãe é ninguém menos que a bela Feiticeira que amaldiçoou a Fera, seu castelo e todos os seus habitantes. Chocados e confusos, Bela e Fera devem se unir para desvendar um assombroso mistério sobre suas famílias. Um conto às avessas de A Bela e a Fera é uma saborosa e encantadora releitura, inaugurando uma série de livros para o público jovem adulto que reconta os clássicos Disney de um jeito jamais imaginado!



João e Maria


João e MariaJoão e Maria, de Neil Gaiman

O prestigiado escritor Neil Gaiman e o brilhante ilustrador Lorenzo Mattotti se encontram para recontar o clássico João e Maria. Familiar como um sonho e perturbador como um pesadelo, o conto narra a saga de dois irmãos que, em tempos de crise e falta de esperança, são abandonados pelos próprios pais e precisam enfrentar com coragem os perigos de uma floresta sombria. Em um texto poético, Gaiman revive a tradição dos contos de fada, dando profundidade à aventura dos irmãos, mas sem abandonar a autenticidade e o talento único de mesclar realismo e fantasia que o transformaram em um dos maiores autores de sua geração. Mattotti, por sua vez, dá um ar inteiramente novo ao clássico. Seus traços criam um jogo de luz e sombra, permitindo que o leitor desvende aos poucos a imagem, assim como os segredos da história de João e Maria.



O Mágico de Oz



Dorothy Tem Que MorrerDorothy Tem Que Morrer, de Danielle Paige

Primeiro de uma série, Dorothy tem que morrer engrossa um filão de sucesso no mercado editorial, no cinema e na TV: o reconto de clássicos infantis com nova roupagem para os jovens. Nesta releitura sombria do clássico de L. Frank Baum O mágico de Oz, Amy Gumm é uma nova garota do Kansas, que, em meio a um tornado, é enviada à terra de Oz com a missão de remover o coração do homem de lata, roubar o cérebro do espantalho, tomar a coragem do leão e destruir a garota dos sapatinhos vermelhos. Livro de estreia de Danielle Paige, Dorothy tem que morrer chega ao Brasil depois de figurar na lista dos mais vendidos do The New York Times.




WickedWicked, de Gregory Maguire

Neste livro, descobrimos todos os detalhes da vida da garota de pele verde que cresceu cercada de desafios e preconceitos, até se tornar uma bruxa infame uma esperta, irritadiça e incompreendida criatura que põe à prova todas as noções sobre a natureza do bem e do mal. A improvável amizade da Bruxa Má do Oeste e Glinda, a Bruxa Boa do Norte, donas de personalidades tão opostas que se tornam melhores amigas; a rivalidade das duas ao se interessarem pelo mesmo homem; e a reação ao governo corrupto do Mágico de Oz também estão no foco de Wicked.





Cinderela


Geekerela
Geekerela, de Ashley Poston

Quando Elle Wittimer, nerd de carteirinha, descobre que sua série favorita vai ganhar uma refilmagem hollywoodiana, ela fica dividida. Antes de seu pai morrer, ele transmitiu à filha sua paixão pelo clássico de ficção científica, e agora ela não quer que suas lembranças sejam arruinadas por astros pop e fãs que nunca tinham ouvido falar da série. Mas a produção do filme anunciou um concurso de cosplay numa famosa convenção valendo um convite para um baile com o ator principal, e Elle não consegue resistir. Na Abóbora Mágica, o food truck vegano onde trabalha, ela encontra a ajuda de uma amiga cheia de talentos para moda que vai criar o traje perfeito para a ocasião. Afinal, o concurso é a chance de Elle se livrar das tarefas domésticas impostas pela terrível madrasta e das irmãs postiças malvadas. Já Darien Freeman, o astro adolescente escalado para ser o protagonista do filme, não está nada ansioso para o evento, embora o papel seja seu grande sonho. Visto como só mais um rostinho bonito, o próprio Darien também está começando a achar que se tornou uma farsa. Até que, no baile, ele conhece uma menina que vai provar o contrário. 

Confissões de uma irmã de CinderelaConfissões de uma irmã de Cinderela, de Gregory Maguire

Todos nós já ouvimos a história de Cinderela, a bela criança transformada em escrava e renascida das cinzas. Mas e suas irmãs de criação, as duas exiladas na ignomínia pela fala da amável filha de seu padrasto? Qual destino é guardado àqueles desprovidos de beleza? E que maldições acompanham a bela aparência? 
Contextualizada na Holanda do século XVII, "Confissões de uma Irmã de Cinderela" conta a história de Íris, uma heroína peculiar que sai das ruas de Haarlem para um estranho mundo de riqueza, artimanhas e ambição. Seu caminho cruza-se com o de Clara, a menina misteriosa e assustadoramente bonita destinada a se tornar sua irmã. Enquanto Clara se refugia nas cinzas do acolhimento da família, Íris sai em busca dos obscuros segredos de sua nova casa e da traiçoeira verdade de sua antiga vida. 
Muito mais que um simples conto de fadas, Confissões de uma irmã de Cinderela é um romance de beleza e traição, ilusão e entendimento, que nos lembra que a decepção pode surgir, assim como o amor, dos lugares menos esperados.


As mil e uma noites


A Fúria e a AuroraA Fúria e a Aurora, de Renée Ahdieh

Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Khalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado. Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. Apaixonada, a heroína da história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga. Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Khalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto.

As mil noitesAs mil noites, de E.K. Johnston

Quando Lo-Melkhiin chega àquela aldeia — após ter matado trezentas noivas —, a garota sabe que o rei desejará desposar a menina mais bela: sua irmã. Desesperada para salvar a irmã da morte certa, ela faz de tudo para ser levada para o palácio em seu lugar. A corte de Lo-Melkhiin é um local perigoso e cheio de beleza: intricadas estátuas com olhos assombrados habitam os jardins e fios da mais fina seda são usados para tecer vestidos elegantes. Mas a morte está à espreita, e ela olha para tudo como se fosse a última vez. Porém, uma estranha magia parece fluir entre a garota e o rei, e noite após noite Lo-Melkhiin vai até seu quarto para ouvir suas histórias; e dia após dia, ela continua viva. Encontrando poder nas histórias que conta todas as noites, suas palavras parecem ganhar vida própria. Coisas pequenas, a princípio: um vestido de seu lar, uma visão de sua irmã. Logo, ela sonha com uma magia muito mais terrível, poderosa o suficiente para salvar um rei...


Peter Pan



O Ladrão de CriançasO Ladrão de Crianças, de Gerald Brom

Gerald Brom traz a clássica lenda do Peter Pan para os tempos atuais adicionando grandes doses de sadismo e fantasia. Aqui, Peter é um garoto meio humano, meio qualquer outra coisa, que sequestra jovens pelas ruas de Nova York prometendo-lhes um paraíso sem adultos ou quaisquer regras. Mas, na realidade, eles nem imaginam que quem os esperam são os monstros e os mistérios da ilha de Avalon, onde é preciso ter muito sangue frio para sobreviver. Com ilustrações do próprio autor, O ladrão de crianças é um romance de fantasia obscura que ao mesmo tempo encanta e assombra aqueles que seguem Peter em sua viagem sangrenta e delirante.






Branca de Neve


A Menina da NeveA Menina da Neve, de Eowyn Ivey

Alasca, 1920: um lugar especialmente difícil para os recém-chegados Jack e Mabel. Sem filhos, eles estão se afastando cada vez mais um do outro. Em um dos raros momentos juntos, durante a primeira nevasca da temporada, eles constroem uma criança feita de neve. Na manhã seguinte, a criança de neve some. Dias depois, eles avistam uma criança loira correndo por entre as árvores. Uma menina que parece não ser de verdade, acompanhada de uma raposa vermelha e que, de alguma formam consegue sobreviver sozinha no frio e rigoroso inverno do Alasca. Enquanto Jack e Mabel se esforçam para entender esta criança que parece saída das páginas de um conto de fadas, eles começam a amá-la como se fosse sua própria filha. No entanto, nesse lugar bonito e sombrio, as coisas raramente são como aparentam, e o que eles aprenderão sobre essa misteriosa menina irá transformar a vida de todos.

Wook.pt - Rapaz, Neve, AveRapaz, Neve, Ave, de Helen Oyeyemi

No inverno de 1953, Rapaz Novak chega a uma pequena cidade do Massachusetts, à procura, segundo acredita, de beleza. Aí, conhece Arturo Whitman, um viúvo local, com quem acaba por casar-se, tornando-se madrasta da sua filha, Neve. 
Rapaz nunca tinha pensado vir a tornar-se uma madrasta cruel, mas, após o nascimento da sua filha, Ave, o passado familiar de obsessão com a aparência, que julgara ter deixado para trás, começa a ganhar terreno: Ave nasceu com a pele escura, revelando ao mundo que os Whitman são negros de pele clara que se têm feito passar por brancos. Mesmo divididos, Rapaz, Neve e Ave não conseguem deixar de sentir curiosidade uns pelos outros e, na procura por respostas, terão de confrontar a tirania do espelho: quanto poder têm realmente as superfícies? 
Inventivo e comovente, Rapaz, Neve, Ave, uma transfiguração extraordinária do conto da Branca de Neve, confirma o lugar de Helen Oyeyemi como uma das vozes mais originais e dinâmicas na nova literatura do século XXI.

A Pequena Sereia


MermaidMermaid, de Carolyn Turgeon

Numa manhã sombria, enquanto observava o oceano, a princesa Margrethe presenciou um milagre: uma linda sereia emergindo das ondas com um homem quase afogado em seus braços. Alguns instantes depois, a sereia havia desaparecido no mar. A princesa resgata o desconhecido e se encanta aos poucos, mas descobre que além de príncipe, o homem é também filho do maior inimigo de seu pai... Enquanto isso, Lenia, a sereia – e também princesa – deseja encontrar novamente o homem que carregou com tanto cuidado e por quem se apaixonou perdidamente. Ela está disposta a trocar tudo que tem, até a própria voz, para conquistar o coração do príncipe. Duas princesas, um guerreiro. Quem será feliz para sempre? (Reconto para adultos da obra A pequena sereia, de Hans Christian Andersen).



Princesa das Águas
Princesa das Águas Princesas, de Paula Pimenta

Arielle Botrel é uma nadadora famosa, prestes a viver o maior desafio de sua existência: participar das Olimpíadas pela primeira vez. Porém, ao contrário do que todos pensam, ela não possui tudo que deseja. Por ser a filha caçula de uma grande família, a garota é muito protegida e, apesar das medalhas e dos troféus, sonha com um cotidiano diferente, onde possa ser livre. Até que um dia um acidente faz tudo mudar. Arielle é apresentada a um mundo novo... E nele existe alguém que vira sua vida de cabeça para baixo. Porém, para conquistá-lo, ela terá que abrir mão de sua voz. Será que Arielle - sem uma única palavra - vai conseguir conquistar esse príncipe? E se no coração dele já existir outra princesa?





Os cisnes selvagens


Filha da FlorestaFilha da Floresta, de Juliet Marillier

O domínio de Sevenwaters é um lugar remoto, estranho, guardado e preservado por homens silenciosos e criaturas encantadas, além dos sábios druidas, que deslizam pelos bosques vestidos com seus longos mantos... Passada no crepúsculo celta da velha Irlanda, quando o mito era lei e a magia uma força da natureza, esta é a história de Sorcha, a sétima filha de um sétimo filho, o soturno Lorde Colum, e dos seus seis amados irmãos, vítimas de uma terrível maldição que somente Sorcha é capaz de quebrar. Em sua difícil tarefa, imposta pelos Seres da Floresta, a jovem se vê dividida entre o dever, que significa a quebra do encantamento que aprisiona seus irmãos, e um amor cada vez mais forte, e proibido, pelo guerreiro que lhe prometeu proteção.

Vários contos misturados


A Bela Arremetida e outros contos de fadas com bichosA Bela Arremetida e outros contos de fadas com bichos, de Gregory Maguire

A bicharada está à solta! E parece que resolveu invadir alguns contos de fadas conhecidos... Já imaginou a história da Bela Adormecida entre insetos e anfíbios? Pois aqui a formosa princesa que recebe uma terrível maldição ao nascer é uma rãzinha verde como o lodo de primavera no brejo. E se a Cinderela fosse uma elefantazinha bem delicada, que resolve desobedecer a madrasta e ir ao baile do príncipe com assadeiras de vidro - que seriam usadas para fazer tortas de abóbora - nos pés? Recriar narrativas clássicas, inventar enredos e desenlaces inesperados pode ser uma maneira divertida de perceber como qualquer história, até a mais tradicional, é passível de novas soluções e surpresas.


PerdidosPerdidos, de Gregory Maguire (Jack, o Estripador, Alice no País das Maravilhas, Peter Pan e Um Conto de Natal, entre outras)

Em Perdidos acompanhamos a trajetória da impaciente e não muito simpática Winifred Rudge, uma escritora de livros infantis em busca de inspiração para seu novo romance. Para isso, resolve sair de Boston e ir até a Inglaterra, com destino à casa de John Comestor, primo e amigo confidente. Ao chegar lá, no entanto, depara-se com situações inusitadas: o desaparecimento repentino do anfitrião, uma vizinha enlouquecida, ruídos aparentemente inexplicáveis... 
São temas suficientemente intrigantes para servir de matéria-prima à criatividade da escritora, que consegue reconstruir o local de maneira ficcional, recriando-o e inventando tramas para suas histórias fabulosas. E se naquela casa estivesse escondido o corpo de Jack, o Estripador, que desapareceu sem deixar traços? Seria naquele o local que sua personagem Wendy Pritzke poderia encontrar o fantasma do famoso assassino? 
Perdidos, de Gregory Maguire, é uma narrativa pontuada por referências tanto musicais ? já que Winnie nutre o hábito de dar trilha sonora a diversas situações da vida cotidiana ? quanto literárias ? como quando, em situações de timidez, inveja o frasco com a inscrição "me beba", que poderia encolher Alice na fábula de Lewis Carroll... ou então quando relaciona as situações por que passa às aventuras de Peter Pan. O livro nos transporta para o ofício de escritora de Winnie Rudge e nos revela um mundo pontuado de situações enigmáticas, ingrediente chave para uma boa história.

Crônicas Lunares, de  Marissa Meyer (Cinderela, Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho e Rapunzel)
Resultado de imagem para cronica lunares
Num mundo dividido entre humanos e ciborgues, Cinder é uma cidadã de segunda classe. Com um passado misterioso, esta princesa criada como gata borralheira vive humilhada pela sua madrasta e é considerada culpada pela doença de sua meia-irmã. Mas quando seu caminho se cruza com o do charmoso príncipe Kai, ela acaba se vendo no meio de uma batalha intergaláctica, e de um romance proibido, neste misto de conto de fadas com ficção distópica. Primeiro volume da série Crônicas Lunares, Cinder une elementos clássicos e ação eletrizante, num universo futurístico primorosamente construído.

A Dança da FlorestaA Dança da Floresta, de Juliet Marillier

Esta é uma história mágica, que transita entre um mundo mítico e um castelo na Transilvânia... Jena, uma garota de 16 anos, seu sapinho de estimação Gogu e suas quatro irmãs guardam um segredo: desde pequeninas, em toda noite de Lua Cheia, fazem sombras com as mãos contra uma pedra, abrindo um misterioso portal para uma floresta mágica, onde dançam com encantadoras e bizarras criaturas fantásticas. Porém, elas não imaginavam que suas vidas mudariam drasticamente: o pai adoece e, por recomendações médicas, vai para uma região onde o inverno é mais ameno. Jena e sua irmã Tati ficam encarregadas de cuidar dos negócios da família no castelo Piscul Dracului. As coisas vão bem até que um trágico acidente deixa tudo fora de controle. Para piorar, sua irmã se apaixonara por uma das misteriosas criaturas da Clareira Dançante da floresta...


O Livro das Coisas PerdidasO Livro das Coisas Perdidas, de John Connolly

Após a morte da mãe, David, de 12 anos, passa a maior parte do tempo em seu quarto tendo com os livros como companhia. Quando eles começam a sussurrar para o menino, realidade e imaginação se misturam até que, ao brincar no jardim, entra em um reino encantado, onde encontrará heróis, monstros e um rei fracassado que guarda seus segredos em um livro misterioso. John Connolly, em O Livro das Coisas Perdidas, desconstruirá fábulas conhecidas, como A Branca de Neve e os Sete Anões e João e Maria, por meio de muita imaginação e mistério. Um livro para todas as idades que virou mania quando lançado na Grã-Bretanha e nos Estados Unidos.Após a morte da mãe, David, de 12 anos, passa a maior parte do tempo em seu quarto tendo com os livros como companhia. Quando eles começam a sussurrar para o menino, realidade e imaginação se misturam até que, ao brincar no jardim, entra em um reino encantado, onde encontrará heróis, monstros e um rei fracassado que guarda seus segredos em um livro misterioso. John Connolly, em O Livro das Coisas Perdidas, desconstruirá fábulas conhecidas, como A Branca de Neve e os Sete Anões e João e Maria, por meio de muita imaginação e mistério.

Branca Dos Mortos e os Sete ZumbisBranca Dos Mortos e os Sete Zumbis, de Fábio Yabu

Em 'Branca dos Mortos e os Sete Zumbis', Fábio Yabu resgata a tradição clássica dos contos de fadas dos irmãos Grimm e de Hans Christian Andersen, onde as histórias, mais que um simples entretenimento, servem como lições para moldar o caráter das crianças, na maior parte das vezes por meio do medo. Aqui, não há meias-palavras nem eufemismos. O mundo encantado de Yabu é atormentado, sombrio e com altas doses de tensão sexual. Os contos seguem o mote de sucessos da televisão atual, como as séries Grimm e Once Upon a Time. Protagonizadas por personagens dos contos de fadas, revelam facetas nunca antes imaginadas de suas personalidades. Além disso, os doze contos que compõem Branca dos Mortos e os sete zumbis formam uma narrativa não-linear que culmina num desfecho aterrorizante. A obra ainda conta com as ilustrações de Michel Borges, que acompanha o autor desde seus primeiros projetos. As ilustrações de Michel homenageiam os desenhos clássicos dos contos de fadas, com toques sombrios, e complementam a atmosfera sinistra e misteriosa criada por Yabu.

Chapeuzinho EsfarrapadoChapeuzinho Esfarrapado, de Ethel Johnston Phelps

Quem disse que as mulheres nos contos de fadas são sempre donzelas indefesas, esperando para ser salvas pelo príncipe encantado? Esta coletânea reúne narrativas folclóricas do mundo inteiro — do Peru à África do Sul, da Escócia ao Japão — em que as mulheres são as heroínas das histórias e vencem os desafios com esforço, coragem e muita inteligência. Este livro é para todo mundo que não se identifica com as princesas típicas dos contos de fadas. É para garotas e garotos, para que todos possam aprender que as maiores virtudes de um herói não são exclusivas a um só gênero. Enriquecida com textos de apoio e ilustrações modernas, esta edição é uma fonte inestimável de heroínas multiculturais — e indispensável para qualquer estante.



Unicórnios


O Último Unicórnio O Último Unicórnio, de Peter S. Beagle

"The Last Unicorn", 1961. Esta é a história do último dos unicórnios e da sua demanda por terras estranhas no sentido de encontrar os seus pares. É também uma belíssima metáfora sobre a imaginação e a criatividade humanas, sobre a magia e a literatura, sobre a condição humana e a sua capacidade de se auto-superar. Comparado aos grandes clássicos da literatura fantástica de todos os tempos (Tolkien, irmãos Grimm, Hawthorne, Twain, Karen Blixen ou Michael Ende), este livro traduzido em mais de 15 línguas, foi considerado em 1987 durante o congresso mundial de literatura fantástica a 5ª melhor obra de sempre apenas atrás de Tolkien e Ursula K. LeGuin e o seu autor foi considerado o 4.º autor de ficção fantástica de todos os tempos. Esta é uma obra para todas as idades tendo conquistado os mais diversos públicos ao ponto de ter sido em 1981 passado à tela num filme de animação que contava com as vozes dos maiores actores de Hollywood de então (como Jeff Bridges, Mia Farrow, Christopher Lee ou Angela Landsbury) e alguns dos mais avançados efeitos especiais da altura. Devido à sua qualidade literária esta obra ultrapassou já as fronteiras da literatura fantástica tendo sido objecto de teses universitárias, estudos e artigos nos mais prestigiados órgãos de informação literária como o rígido Times Literary Supplement ou a New York Review of Books.

Em Busca do UnicórnioEm Busca do Unicórnio, de Juan Eslava Galán

Ambientado no século XV, Em Busca do Unicórnio conta a aventura de Juan de Olid, fiel escudeiro do condestável de Castela, nomeado chefe de uma expedição enviada às terras africanas em busca do chifre de um unicórnio. O artefato, como se acreditava na época, era o único possível remédio contra a falta de virilidade do Rei Henrique IV de Castela.
Narrada em primeira pessoa, a trama é rica em curiosas e inesperadas situações; tantas quantas uma travessia de meses por mares - de água e de areia -, selvas e territórios nunca antes explorados pela civilização ocidental cristã pode proporcionar. Juan Eslava Galán surpreende pela criteriosa fidelidade à ambientação histórica e o constante ritmo poético, que dão força e encanto mítico à narrativa e criam uma deliciosa novela de aventuras, na qual coexistem a realidade, a fantasia, o humor e o drama.


Conto de fadas russo


O Urso e o RouxinolO Urso e o Roxinol, de Katherine Arden

Guerra dos tronos encontra Mitologia nórdica, bestseller de Neil Gaiman, neste conto de fadas ambientado na Rússia medieval. Romance de estreia da norte-americana Katherine Arden, que morou dois anos em Moscou. O urso e o rouxinol mistura aventura, fantasia e mitologia ao acompanhar a jornada da jovem Vasya, criada, junto aos irmãos, num vilarejo próximo de uma floresta, e que cresceu ouvindo de sua ama contos e lendas sobre criaturas que vivem nas matas e que precisam receber oferendas para manter o mal adormecido em seu interior. Mas a chegada de Anna, madrasta de Vasya vinda da capital, de hábitos católicos, e de um padre ortodoxo que resolve instituir as práticas cristãs no vilarejo, provoca uma mudança na rotina da menina e abre as portas para uma terrível catástrofe. Sensível e determinada, Vasya é a única que consegue enxergar e conversar com esses seres fantásticos e torna-se a última esperança para salvar o povoado onde nasceu da destruição.

Contos de fadas poloneses


Enraizados
Enraizados, de Naomi Novik

Autora da aclamada série Temeraire, bestseller do The New York Times, Naomi Novik introduz um mundo novo e ousado, com raízes fincadas no folclore eslavo, em Enraizados, indicado ao Hugo e vencedor do Nebula, entre outros prêmios literários. Na trama, Agnieszka e Kasia são melhores amigas e levam uma vida tranquila no vale. Mas essa tranquilidade cobra seu preço. Afinal, às margens do vilarejo onde moram fica a temida Floresta corrompida, cheia de um poder maligno desconhecido, e para impedir que ele avance para além das fronteiras da Floresta, o povo do vale conta somente com a proteção de um mago frio e ambicioso, que a cada dez anos exige que uma jovem do vilarejo seja entregue para servi-lo. Enquanto a próxima escolha se aproxima, Agnieska teme por sua bela, graciosa e corajosa amiga. Mas pode ser que ela esteja errada. Porque, quando o Dragão chegar, não é Kasia que ele vai escolher.




Um comentário:

  1. Desses livros que você citou, eu já conhecia e quero ler Fera e Dorothy tem que Morrer. Parecem ser bem interessantes, e as capas são lindas :))
    Beijo!

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!

Tecnologia do Blogger.