Nos siga no Instagram! TOP 5: coisas para se fazer em um dia de tédio Desventuras em Série #1: Mau Começo - Lemony Snicket Resenha #229: Era dos Extremos - Eric J. Hobsbawm
16

Resenha #41: Sol e Tormenta - Leigh Bardugo


Sol e Tormenta
Lido em: Outubro de 2014
Título: Sol e Tormenta
Autor: Leigh Bardugo
Editora: Gutemberg
Gênero: Fantasia
Ano: 2014
Páginas: 368


Adicione esse livro ao Skoob

Avaliação:





Resenha


ATENÇÃO: ESSA RESENHA CONTÉM SPOILERS!

Em "Sol e Tormenta", de Leigh Barguro, encontramos a continuação do primeiro livro da Trilogia Grisha, "Sombra e Ossos". Após lutar contra o Darkling e conseguir escapar ilesa do Não-Mar, Alina Starvok tenta seguir uma vida 'normal' ao lado de seu fiel amigo (com pinta de namorado!), Maly, em uma terra desconhecida. Embora seja atormentada todos os dias pela presença constante em sua mente daqueles que morreram por sua causa, Alina esconde incansavelmente sua posição de Conjuradora do Sol, tentando se passar por mais uma Ravkana refugiada. 

Porém, mesmo com todas as medidas que tomaram ao fugir para se verem livre de seu pior inimigo, o casal acaba deixando no caminho rastros de sua passagem, e é assim que o poderoso do mal acaba os encontrando. Com novos pensamentos malignos para dominar Ravka, o Darkling resolve então ir à caça dos outros dois amplificadores (o primeiro foi encontrado no primeiro volume), para tornar Alina a conjuradora mais poderosa de todo o mundo, e assim ter influência direta sobre o poder dela. Em meio a tudo isso, a Conjuradora se vê então entre dois dilemas: reivindicar seu poder e lutar por seu amor ou arriscar perder tudo com a onda de caos que se aproxima.




Não preciso nem dizer que amei esse livro, não é mesmo? Ao terminar a leitura do primeiro volume, fiquei altamente curioso para ver como a autora iria desenrolar o enredo do segundo livro. Em meio à tantas reviravoltas na busca implacável pelo poder, encontramos também um amor sincero entre Maly e Alina, mas que acaba sendo aos poucos desgastado pelas atitudes e infelicidade que ambos exprimem por causa da situação que os rodeia.

Durante a evolução do enredo (que, diga-se de passagem, é repleto de cenas de tirar o fôlego), percebemos que há um significativo amadurecimento dos personagens. Alina, que era a menina 'bobinha' desde o início da trilogia, agora já age como uma mulher mais resolvida e destemida. Não somente a protagonista apresentou melhora significativa, mas também Maly. Seus dons de rastreador foram bem mais explorados e utilizados no segundo volume da série, fazendo com que nós, leitores, nos sentíssemos como 'detetives'. E não é por menos, já que nessa obra ninguém é verdadeiramente quem diz ser.

Outra coisa que fica bastante evidente durante a leitura é o quanto a fé, que convenhamos, se vinda de forma exagerada acaba por cegar o homem, pode ser uma coisa avassaladora. Muitos ravkanos acabam achando que Alina é uma espécie de Santa por ter escapado da Dobra das Sombras com vida e começam a adorá-la, mesmo com suas diversas tentativas de alertar que é uma garota como outra conjuradora qualquer.

Bem, acho que não tenho mais palavras para expressar o quanto esse livro foi significativo para mim. Por diversas vezes tentei prever o que aconteceria: todas as tentativas foram falhas. Como já disse, a autora consegue fazer coisas imprevisíveis, tornando a obra uma sequência de fatos alucinantes e com inúmeras reviravoltas.


A edição de "Sol e Tormenta" está impecável, da mesma forma que "Sombra e Ossos". Porém, comparando o material usado nas duas obras, pude perceber que houve uma diminuição na espessura das folhas, creio eu que para tornar os dois volumes "iguais" no quesito largura. As páginas são amareladas, do tipo que não cansa a vista do leitor. A diagramação está perfeita e todo o texto está em uma escrita impecável, sem erros de grafia ou gramaticais.

Portanto, minhas últimas palavras são as seguintes: se você ainda não leu o primeiro volume da série, leia-o. Tenho certeza que você se espantará com a qualidade intelectual da trilogia como um todo. Espero, de verdade, que a editora Gutemberg traga logo o último volume da série para poder matar minha curiosidade e terminar minha coleção! guenta coração


Até logo,

Sérgio H.

16 comentários:

  1. Adorei a resenha e fiquei curiosa sobre o livro :)

    Adorei o seu blog e já estou a seguir!!
    beijos,
    Daniela
    http://ddocesonhadora.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Ola Sérgio não conhecia a séria e gostei da premissa desse segundo livro , vou pesquisar mais para começar a leitura, concordo com você a Fé exagerada converte valores , uma pena . abraços

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, Sérgio! Ainda não conhecia nem o livro nem a trilogia, mas confesso que sua resenha me despertou uma certa curiosidade em conhecer essa história! Achei a capa do livro muito linda e adorei sua resenha! :)

    PS: Que lindos esse pôster do filme "O Doador de Memórias" que você tem! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Sérgio, tudo bem???
    Ai, você me deixou com muita vontade de ler essa trilogia!!!!! Não podemos confiar em ninguém (ninguém é o que diz ser) e a autora surpreende o leitor com o imprevisível. Adoro tramas com suspense e essa ainda é regada com fantasia (amplificadores e conjuradores)!!!!!!
    Sua resenha ficou ótima e a dica está mais do que anotada!!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Sérgio, tudo bem?

    Os livros da Gutemberg são sempre muito bons. Achei a premissa de Sol e Tormenta, bem interessante. Não tinha lido uma resenha sobre o livro ainda. Adoro livros com suspense.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Sérgio. Eu só li os últimos parágrafos porque não quero pegar spoilers. Quero muito ler essa trilogia e que bom que a continuação foi ótima. As capas são lindas ne? Como você recomendou, espeto ler em breve.

    Beijos
    Leitora sempre

    ResponderExcluir
  7. Olá Sergio, eu ainda não li o primeiro livro dessa serie, mas pela sua resenha deve ser muito bom e bem desenvolvida, adoro quando você prevê o que esta para acontecer e se surpreende por não ser o que você esperava e parece que essa serie tem essa pegada <3

    Visite o blog "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  8. Oi, Sérgio!
    Confesso que pulei a sinopse e a parte inicial da resenha por causa dos spoilers, mas quando cheguei à sua opinião de fato vi que não haveria problema porque se trata de fantasia, e eu não costumo ler. Não me lembro de ter visto esses livros nas divulgações, ou talvez tenha simplesmente ignorado por não fazer meu estilo.
    Achei interessante sua observação sobre a espessura da página, normalmente eu nem comparo livros assim. Mas sua suposição é boa, talvez pra ficar do mesmo tamanho do outro e baratear pro leitor final.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  9. Olá

    Adorei a resenha, apesar de não ter lido o primeiro livro adorei a proposta da trama, essa perseguição implacável, a fantasia, que eu amo. E a capa... É muito linda.
    Abraços

    estantejovem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oii Sérgio, eu odeio spoilers então pulei alguns trechinhos da resenha! Mas, fiquei feliz em ver que o material do livro não deixa a desejar, vi os livros durante a bienal, mas eles estavam com um preçø um pouco salgado! Estou curiosa sobre essa trilogia, você falando da qualidade intelectual me anima :)

    ResponderExcluir
  11. Não pude ler tudo, já que você avisou que a resenha tem spoilers e ainda não li o primeiro volume... mas que bom que está curioso pelo fim da trilogia, é sempre um ótimo sinal. Não sabia dessa qualidade intelectual, com certeza só me deixa mais animada para ler! Tenho o primeiro livro aqui e vou tentar encaixar logo na fila.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  12. Oi Sérgio!
    Não conhecia a trilogia e fiquei encantada, li a resenha do primeiro livro e achei incrível.
    Vou anotar aqui para comprar assim que puder!
    Essa espera que mata né?! Espero que o último volume saia em breve para tu matar tua curiosidade!
    Adorei a resenha!
    Beijos

    Lara - Magia Literária

    ResponderExcluir
  13. E essas capas? Sempre me chama a atenção, só nao comprei e comecei a ler ainda pq tem continuação, e eu sou dessas hahaha E também não li sua resenha (Sorry), mas nao curto muito spoiler... Mas só de ver sua avaliação, sei que quando a série toda for lançada, vou fazer questão de comprar hahaha

    ResponderExcluir
  14. ola! primeiro que capa linda! Quero muito ler o primeiro,mas será difícil encaixar na minha lista de leitura! Eh, sou uma das que preferiu não ler a resenha por causa dos spoilers! Mas pelo finalzinho dela dá para ver que é bem mais do que as aparências mostram...

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Bom, como você avisou que a resenha continha spoilers, eu acabei lendo por cima, porque essa série é uma que eu pretendo ler, acho as capas lindas e as sinopses me deixam muuuito interessada. Gostei de saber que os personagens amadurecem, é tão bom quando isso acontece em um livro, eu adoro e acho que iria gostar muito de acompanhar a Alina amadurecendo.
    Enfim, adorei sua resenha, ficou ótima *-*

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Olá
    Ainda não li esse livro, e nem o primeiro, mas minha colaboradora leu e gostou bastante, e desde que ela me falou que estava lendo, eu fiquei com vontade de ler, depois de seu resenha, minha vontade aumentou mais. Parabéns, mais um que vai entrar para a listinha.

    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário!